Homem suspeito de feminicídio e simular suicídio da companheira é preso em Paulo Afonso - SAJ PUBLICIDADE

DESTAQUES

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Homem suspeito de feminicídio e simular suicídio da companheira é preso em Paulo Afonso



O homem suspeito de matar a companheira e simular o suicídio dela foi preso em Paulo Afonso, no norte da Bahia, na tarde de quarta-feira (13). De acordo com a Polícia Civil, Cintia Maria da Silva foi violentada e morta por estrangulamento no dia 10 de novembro de 2020.

Segundo a polícia local, o companheiro da vítima tentou simular um suicídio, mas após perícia medica feita na vítima, foi constatado que o corpo de Cintia apresentava lesões incompatíveis com suicídio e, que na verdade, ela teria sido morta por estrangulamento.

No momento em que Cintia foi encontrada, ela estava no chão e não pendurada pelo pescoço, como o suposto autor, marido da vitima, informou. Também segundo o laudo, a cena do crime foi totalmente descaracterizada. Familiares e testemunhas relataram que a vitima sofria violência física e moral do companheiro.

Equipes policiais da delegacia da cidade receberam a informação de que o homem havia entrado em uma residência. Após a denúncia, os policiais efetuaram a prisão do autor. Ele estava com mandado de prisão temporária em aberto, expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Paulo Afonso.

A delegada da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) de Paulo Afonso, conta que à época, o fato chocou a cidade.

“Esse crime foi um crime que chocou muito a cidade, porque inicialmente, o autor informou que a sua esposa havia se suicidado, que ela era depressiva, tomava remédio e ceifou a sua vida, quando na verdade foi provado posteriormente que não foi suicídio, e que sim, feminicídio”, disse.

O homem se encontra preso e está à disposição da justiça. O suspeito vai responder por feminicídio, fraude processual e estupro de vulnerável. (G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião!