Ronaldinho Gaúcho é detido no Paraguai por uso de documento falso - SAJ PUBLICIDADE

DESTAQUES

quinta-feira, 5 de março de 2020

Ronaldinho Gaúcho é detido no Paraguai por uso de documento falso


O ex-jogador brasileiro Ronaldinho Gaúcho foi alvo de uma batida policial na noite desta quarta-feira 4, depois de usar documentos falsificados para entrar no Paraguai e se hospedar em um hotel na cidade de San Lorenzo, nos arredores da capital Assunção. A informação foi divulgada em primeira mão pela jornalista local Soledad Franco e confirmada por VEJA. O jogador chegou nesta quarta no país vizinho, onde participaria de um evento beneficente.


Ronaldinho apresenta seus documentos a um policial do Paraguai Twitter/Reprodução

Em entrevista à rádio Ñandutí, o ministro do Interior do Paraguai Euclides Acevedo confirmou a ordem de prisão: “Vamos fazer cumprir a lei. Temos a informação de que ele tem documentação adulterada.” Quem acompanha Ronaldinho nesta viagem é seu irmão e empresário, Roberto Assis, que também possuía cédula de identidade paraguaia e um passaporte. Ronaldinho e Assis passarão a noite na suíte presidencial do hotel Yacht y Golf Clube, a disposição dos policiais, e deverão comparecer na manhã desta quinta-feira diante do Ministério Público paraguaio.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião!