Polícia investiga se corpos encontrados carbonizados em Ilhéus são de moradores de Laje - SAJ PUBLICIDADE

DESTAQUES

domingo, 8 de março de 2020

Polícia investiga se corpos encontrados carbonizados em Ilhéus são de moradores de Laje


A Polícia Civil investiga se os corpos encontrados nesta quarta-feira (4) na região rural de Castelo Novo, em Ilhéus são de: Neto Evaristo e de Anilton da Silva Santos, mais conhecido como Guiu. O veículo queimado – um Gol – seria de um deles e a dupla está desaparecida.
Devido ao estado, os corpos devem ser identificados apenas por exame de DNA ou pela arcada dentária. Guiu, que residia atualmente em Laje, no Vale do Jiquiriçá, atuava no ramo de construção civil e Neto Evaristo pertencia a uma família de cacauicultores bastante conhecida no município de Ubatã.
“Tudo leva a crer que os corpos são realmente de Neto [Evaristo] e Guiu”, disse um ubatense próximo da dupla ao Ubatã Notícias. Os corpos foram levados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Ilhéus.
A Polícia Civil investiga o caso e ainda não há informações sobre motivação e tampouco sobre as circunstâncias do crime. (Editado por Mídia Bahia com informações do Ubatã Notícias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião!