Atacante do Flamengo é parado em blitz e apresenta suposto documento falso - SAJ PUBLICIDADE

DESTAQUES

sábado, 29 de fevereiro de 2020

Atacante do Flamengo é parado em blitz e apresenta suposto documento falso


O jogador do Flamengo Bruno Bruno Henrique foi abordado em uma blitz da Lei Seca e apresentou uma carteira de habilitação de São Paulo, que não constava no sistema de informática do Detran do Rio, no sábado (29), na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Segundo o Globo Esporte, a investigação está em andamento e, caso seja comprovado a falsidade do documento, o atacante poderá ser indiciado por uso de documento falso. O crime prevê pena de até seis anos de reclusão.

Bruno Henrique se apresentou no Ninho do Urubu, neste sábado (29), para dar sequência ao tratamento no joelho e não comentou o assunto.

Já No Flamengo, o caso foi entregue ao vice de futebol, Marcos Braz, que informou que deverá se pronunciar após o jogo contra a Cabofriense, neste sábado, no Maracanã.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião!