Bahia tem aumento de 90% nos internamentos no SUS em decorrência de gripe - SAJ PUBLICIDADE

DESTAQUES

segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Bahia tem aumento de 90% nos internamentos no SUS em decorrência de gripe


O Ministério da Saúde anunciou que, a partir de 2020, a vacinação contra a gripe será ofertada para pessoas a partir dos 55 anos, e não mais aos 60. A determinação foi enviada em ofício, no final de novembro, a representantes das secretarias estaduais e municipais de Saúde.

A doença preocupa as autoridade e, a cada dia, 71 pessoas são internadas em decorrência de gripe no país, segundo ocorrências do Datasus coletados e analisados pelo BNews. Na Bahia, são 11 internamentos diários pelo Sistema Único de Saúde (SUS), o que deixa o estado no ranking nacional de registros.

Entre 2008 e 2918, o estado sofreu aumento de 90% dos internamentos em decorrência de influenza. No mesmo período, no entanto, a variação nacional foi negativa em 30%. Atrás da Bahia em número absolutos de registros estão os estados do Ceará, Rio Grande do Sul e Maranhão. Já na outra ponta, com menor número de casos, estão Roraima Amapá, Sergipe e Distrito Federal.

Para a campanha do próximo ano, segundo o Ministério da Saúde, foram mantidos os públicos-alvo já conhecidos, como crianças de 6 meses a 5 anos, gestantes, idosos, portadores de doenças crônicas, mas foi adicionada ao grupo prioritário a população de 55 a 59 anos, que até agora não tinha direito à vacina na rede pública.

"Visando ampliar o acesso à vacinação dos grupos mais vulneráveis, neste ano os adultos de 55 a 59 anos de idade também serão vacinados. O público-alvo, portanto, representará aproximadamente 67,7 milhões de pessoas. A meta é vacinar, pelo menos, 90% dos grupos prioritários para a vacinação", diz trecho do documento do ministério. A campanha será realizada de 13 de abril a 15 de maio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião!