PF mira empresa que fazia parte de cartel na 67ª fase da Lava Jato - SAJ PUBLICIDADE

DESTAQUES

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

PF mira empresa que fazia parte de cartel na 67ª fase da Lava Jato


Policiais federais cumprem hoje (23) mandados da 67ª fase da Operação Lava Jato, batizada de “Tango & Cash”. De acordo com o G1, um dos alvos da PF é o Grupo Techint, que fazia parte do cartel de empreiteiras que venciam licitações de grandes obras da Petrobras.

A suspeita da polícia é de que o pagamento total de propina por parte da empresa foi de R$ 60 milhões, o que equivale a 2% no valor de cada contrato.

Ao todo, são cumpridas 23 ordens de busca e apreensão em três estados. Em Rio de Janeiro, são 14 mandados; em São Paulo, são 8 mandados; e no Paraná, um mandado. As ordens foram expedidas pela 13ª Vara Federal de Curitiba. Foi determinado ainda um bloqueio de R$ 1,7 bilhão de ativos financeiros dos investigados nessa fase da Lava Jato.


(Metro1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe a sua opinião!